Navegação Todos os Glaciares

1 / 5
2 / 5
3 / 5
4 / 5
5 / 5
  • Ano Todo

  • El Calafate

  • Navegação

Duração
7h

Saídas
7h da manhã

Dificuldade
Baixa

 

Número de pessoas
- +
  • Inclui
  • Roteiro
  • Fotos

O pacote inclui

INCLUI
• Transfer ida e volta do porto ao hotel
• Guia
• Navegação em barcos com área aquecida e com banheiros

NÃO INCLUI
• Alimentos e Bebidas
• Entrada no Parque Nacional dos Glaciares (necessário pagar em dinheiro na entrada do parque $1.800 pesos argentinos)

DICAS
• Para melhorar sua experiência, recomendamos que você use sapatos confortáveis, casaco, protetor solar, óculos de sol e não se esqueça de levar sua câmera ou telefone celular (a bordo e em terra a voltagem é de 220 volts).

• Na embarcação há um espaço VIP, chamado de Captain´s Club onde o serviço é mais personalizado. O espaço conta com vista privilegiada do Glaciar Spegazzini e Glaciar Heim. Sua decoração acolhedora e intimista é o ideal para compartilhar e relaxar. Este ambiente tem 80 m² e se conecta à varanda de 75 m² exclusivos para quem está nessa área. Prioridade no embarque, brinde com o capitão, snacks e bebidas liberadas são alguns dos serviços inclusos deste espaço.

Roteiro

• Saímos do hotel em El Calafate logo cedo em direção ao Parque Nacional dos Glaciares.

• Depois de 47km chegamos ao Porto Punta Bandera onde embarcamos em um catamarã e iniciamos nossa navegação pelo Lago Argentino.

• Começamos a navegar pelo braço norte do lago Argentino. Atravessamos a Boca del Diablo com destino ao Canal de Upsala e navegamos entre os grandes icebergs que saem da frente da Geleira de Upsala.

• Depois entramos no canal Spegazzini e momentos depois teremos a primeira vista do glaciar seco.

• Continuamos navegando até a frente do Glaciar Spegazzini, onde também veremos os glaciares Heim Sur e Peineta.

• Nos preparamos para desembarcar na Base Spegazzini e começar a visita à area, caminhando pelo caminho da floresta até o Refúgio Spegazzini. Esta trilha de 300 metros é acessível e, ao caminharmos, paramos em estações e mirantes com vista para toda a Baía de Los Glaciares.

• No Refúgio, podemos almoçar, visitar a loja ou contemplar a paisagem. Para quem gosta de caminhar, você pode pegar a trilha da montanha. Este passeio é uma dificuldade média para caminhar por um caminho arborizado, com pontos de vista naturais, cheios de vistas incríveis que terminam no ponto de desembarque.

• Conhecendo a Base Spegazzini: Este icônico ponto de parada possui duas trilhas projetadas para os visitantes explorarem a Baía de Los Glaciares.

• O caminho da floresta corre trezentos metros do ponto de parada até o Refúgio Spegazzini. Durante a
caminhada teremos explicações sobre Glaciologia, História, Fauna e Flora do local e teremos acesso a alguns mirantes. A trilha é acessível e não representa complexidade, pois é feita em terreno firme.

• Uma vez no refúgio, os visitantes poderão desfrutar da gastronomia, da loja e de uma incrível vista panorâmica, tanto de suas salas de estar quanto de fora (Deck & Terrace).

• A partir daqui, começa a trilha de setecentos metros. Este passeio é uma dificuldade média para caminhar por um caminho arborizado, com mirantes naturais, cheios de vistas incríveis que terminam no ponto de
desembarque.

• Refúgio Spegazzini: O Refúgio Spegazzini possui o salão principal localizado em frente ao lago e sua grande janela oferece uma vista panorâmica imbatível da geleira Spegazzini. É um espaço muito iluminado e espaçoso, com 280 metros quadrados de planta. Sua capacidade máxima para clientes sentados é de 300 e para coquetéis é de 400.

• Os visitantes podem optar por almoçar ou comprar no mercado do refúgio, que tem uma oferta variada disponível para quem deseja desfrutar sem levar comida de El Calafate. Você também encontrará uma loja onde poderá comprar itens de viagem e lembranças para presentear quando voltar para casa.

• Podemos observar de perto os diversos blocos que se desprendem das paredes formando icebergs. Assim que nos aproximamos da parede, o barco fica detido por uns minutos para poder observar com mais detalhe a paisagem. É um passeio magnífico para fotografias e filmagens.

SOBRE O PASSEIO

Saímos do hotel em El Calafate logo cedo em direção ao Parque Nacional dos Glaciares. Depois de 47km
chegamos ao Porto Punta Bandera onde embarcamos em um catamarã e iniciamos nossa navegação pelo Lago
Argentino. Começamos a navegar pelo braço norte do lago Argentino. Atravessamos a Boca del Diablo com
destino ao Canal de Upsala e navegamos entre os grandes icebergs que saem da frente da Geleira de Upsala.
Depois entramos no canal Spegazzini e momentos depois teremos a primeira vista do glaciar seco.

Continuamos navegando até a frente do Glaciar Spegazzini, onde também veremos os glaciares Heim Sur e
Peineta. Nos preparamos para desembarcar na Base Spegazzini e começar a visita à area, caminhando pelo
caminho da floresta até o Refúgio Spegazzini. Esta trilha de 300 metros é acessível e, ao caminharmos, paramos em estações e mirantes com vista para toda a Baía de Los Glaciares.

No Refúgio, podemos almoçar, visitar a loja ou contemplar a paisagem. Para quem gosta de caminhar, você
pode pegar a trilha da montanha. Este passeio é uma dificuldade média para caminhar por um caminho
arborizado, com pontos de vista naturais, cheios de vistas incríveis que terminam no ponto de desembarque.
Conhecendo a Base Spegazzini: Este icônico ponto de parada possui duas trilhas projetadas para os visitantes
explorarem a Baía de Los Glaciares.

O caminho da floresta corre trezentos metros do ponto de parada até o Refúgio Spegazzini. Durante a
caminhada teremos explicações sobreGlaciologia, História, Fauna e Flora do local e teremos acesso a alguns
mirantes. A trilha é acessível e não representa complexidade, pois é feita em terreno firme. Uma vez no refúgio,
os visitantes poderão desfrutar da gastronomia, da loja e de uma incrível vista panorâmica, tanto de suas salas
de estar quanto de fora (Deck & Terrace).

A partir daqui, começa a trilha de setecentos metros. Este passeio é uma dificuldade média para caminhar por
um caminho arborizado, com mirantes naturais, cheios de vistas incríveis que terminam no ponto de
desembarque.

Refúgio Spegazzini: O Refúgio Spegazzini possui o salão principal localizado em frente ao lago e sua grande
janela oferece uma vista panorâmica imbatível da geleira Spegazzini. É um espaço muito iluminado e espaçoso,
com 280 metros quadrados de planta. Sua capacidade máxima para clientes sentados é de 300 e para
coquetéis é de 400. Os visitantes podem optar por almoçar ou comprar no mercado do refúgio, que tem uma
oferta variada disponível para quem deseja desfrutar sem levar comida de El Calafate. Você também encontrará uma loja onde poderá comprar itens de viagem e lembranças para presentear quando voltar para casa.

Podemos observar de perto os diversos blocos que se desprendem das paredes formando icebergs. Assim que
nos aproximamos da parede, o barco fica detido por uns minutos para poder observar com mais detalhe a
paisagem. É um passeio magnífico para fotografias e filmagens.

Fale com um agende especializado

Perguntas Frequentes

O que fazer na cidade de El Calafate?

El Calafate é conhecida como a Terra dos Glaciares, e é muito procurada por turistas ao redor do mundo.A variedade de passeios de ecoturismo e aventura são grandes, mas a principal atração da cidade, é visitar as geleiras no Parque Nacional los Glaciares, sendo o mais famoso, o Glaciar Perito Moreno.

Onde fica a Patagônia?

A Patagônia fica localizada entre a Argentina e o Chile e ocupa cerca de ⅓ destes países. A região se inicia nos Lagos Andinos e vai até o Cabo Horn, onde fica o arquipélago da Terra do Fogo.Podemos citar algumas das cidades mais conhecidas da Patagônia: Puerto Natales, Ushuaia, El Calafate, El Chaltén, Puerto Madryn e Punta Arenas.

Por que Ushuaia é conhecida como a cidade do Fim do Mundo?

Ushuaia é uma cidade da Argentina e capital da Província da Terra do Fogo. É bem conhecida como a cidade mais austral do mundo ou a cidade do Fim do Mundo. Isso se dá porque Ushuaia é a cidade que fica mais ao sul do mundo e mais próxima à Antártida. Observando o mapa, é possível avistá-la no fim da representação geográfica.

Quando neva na Patagônia?

Podemos considerar a temporada de inverno na Patagônia, os meses de junho até setembro, onde haverá certeza da presença da neve e quantidade suficiente para a prática de esportes invernais. As temperaturas se mantêm entre os -2ºC e 5ºC, e as estações de ski e snowboard, assim como centros invernais, estarão abertos.

Quantos dias ficar em Ushuaia e El Calafate?

Recomendamos ficar cerca de 7 dias, sendo 3 noites em Ushuaia e 3 noites em El Calafate. Assim, podemos aproveitar as paisagens e passeios que as duas cidades oferecem. 

Tem outras dúvidas?

ENTRE EM CONTATO

PASSEIOS

Fale com um especialista

Porto Alegre: (51) 2797 0434
Florianópolis: (48) 3380 9429
São Paulo: (11) 4063 3940
Rio de Janeiro: (21) 4063 5153
Curitiba: (41) 4063 9644